Anselmo de Lima

Presidente do Instituto Terre des hommes Brasil

Anselmo de Lima

Anselmo de Lima

Presidente do Instituto Terre des hommes Brasil

Anselmo de Lima é licenciado em Ciências Econômicas e Sociais pela Universidade de Fribourg, na Suíça. Pela Universidade Gama Filho (UGF), do Rio de Janeiro, concluiu o curso de Engenharia Civil, onde como engenheiro exerceu diferentes cargos na holding Rodio S/A, no Rio de Janeiro. Tm     bém trabalhou como assessor de controller geral da Sandoz, empresa suíça instalada no estado de São Paulo. Engajado por Terre des hommes em 1988 para coordenar um programa de desenvolvimento social e econômico no interior do Ceará, na região do Sertão dos Inhamuns, assumiu a partir de 1990 o cargo de delegado de Terre des hommes no Brasil, tendo exercido recentemente a coordenação do projeto regional de Justiça Juvenil Restaurativa, que reuniu cinco estados do Brasil (Ceará, Rio Grande do Norte, Piauí, Maranhão e Pará). Atualmente, Anselmo de Lima preside o Instituto Terre des hommes Brasil.

Cesár Júnior

Sócio-fundador e executivo de operações da Pathfind – Soluções de Tecnologia em Logística Ltda

Cesár Júnior

Cesár Júnior

Formado em Administração de Empresas pela Universidade Estadual do Ceará (Uece), com especialização em Tecnologia da Informação (lato sensu) pela Universidade Federal do Ceará (UFC), César Júnior possui expertise em implantação de novas operações, montagem e gestão de equipes de trabalho, planejamento estratégico e gestão tática e operacional, com foco em expansão de negócios. De perfil empreendedor, o administrador e sócio fundador e executivo de operações da Pathfind – Soluções de Tecnologia em Logística Ltda.; e também sócio fundador da Lantech – Serviços de Informática Ltda., empresa que atua em projetos de desenvolvimento de software sob medida e integração de sistemas corporativos. Na Brazilian Business Costa Rica, atuou de 2010 a 2012, onde foi sócio fundador desta empresa que atuou no mercado Centro Americano com soluções tecnológicas na área de logística e gestão de frotas. Entre 1994 a 1997, passou pela Tradeware – Consultoria, Sistemas e Representações Ltda., tendo sido sócio fundador e atuado como consultor de projetos na área de Tecnologia da Informação (TI).

 

Carlos Ricardo Stenders

Diretor executivo da Sinopec Petroleum do Brasil Ltda.

Carlos Ricardo Stenders

Carlos Ricardo Stenders

Formado em Hautes Etudes Commerciales (Altos Estudos Comerciais), pela Universidade de Lausanne, na Suíça, e em Economia pela Universidade de Friburgo, na Suíça, Carlos Ricardo Stenders Neto possui extensa experiência profissional nas áreas de óleo e gás e energia e meio ambiente, tendo administrado empresas estrangeiras de várias origens com atuação no Brasil. Desde 2004, é diretor executivo da Sinopec Petroleum do Brasil Ltda., companhia do governo da China, que opera no Brasil, principalmente, com a Petrobras, desenvolvendo atividades na área de grandes projetos de infraestrutura voltada para o setor de energia e petróleo.

Carlos Ricardo já atuou como diretor de novos negócios entre os anos de 2000 a 2004 da TSL Engenharia Ambiental Ltda, empresa instalada em São Paulo, com desenvolvimento de processos de reciclagem e reaproveitamento de resíduos oleosos, bem como resíduos sólidos. Na Saleen Kunststoff GmbH Altena, empresa de origem alemã situada em São Paulo, trabalhou como gerente de vendas para o Brasil entre os anos de 1995 a 2000, com desenvolvimento de sistemas flexíveis de proteção de estruturas subaquáticas. Já na Biotec GmbH, empresa da Alemanha, atuou com desenvolvimento de parcerias na área de plásticos biodegradáveis para embalagens comerciais, principalmente, filmes plásticos para manufatura de sacos de supermercado.

Benedicto Benito Pinheiro

Engenheiro

Benedicto Benito Pinheiro

Benedicto Benito Pinheiro

Natural de Cuiabá (MT), Benedicto Pinheiro se mudou aos 19 anos para residir no Rio de Janeiro, no ano de 1958, onde se formou em Engenharia. Depois de aposentar-se em 1991, passou a trabalhar eventualmente como autônomo e fazer aquilo que mais gosta: dar assistência a moradores de rua e viciados; visitar idosos e pessoas deprimidas, comunidades e hospitais; levar a Palavra de Deus em escolas e presídios; e, ultimamente, salvar vidas que pensavam em suicídio.

Christopher Hungerbühler

Artista Plástico

Christopher Hungerbühler

Christopher Hungerbühler

Natural de Zurique, na Suíça, o artista plástico (escultor) Christopher Hungerbühler desenvolve há 17 anos no Brasil projetos na região de Nova Friburgo, no estado do Rio de Janeiro. Tem formação em Kaligrafia em pedra e escultura livre; em Escultura (filosofia Bauhaus), com o professor Hans Fischli; e em Escultura com o mestre Eric Kappeler, pela Escola de Escultura em St. Gallen, na Suíça. Na cidade suíça de Meilen, desenvolveu trabalhos com outros ateliers especializados. Em 1991, conquistou o Prêmio Nacional de Escultura de Pedra.

Claudett Ribeiro

Mestra em Administração de Sistemas Educacionais e escritora

Claudett Ribeiro

Claudett Ribeiro

Mestra em Administração de Sistemas Educacionais pela Fundação Getúlio Vargas (FGV) do Rio de Janeiro e graduada em Direito e Geografia pela Universidade Federal do Maranhão (UFMA), Claudett Ribeiro também concluiu o curso de especialização em Planejamento e Administração de Sistemas Educacionais pela FGV, Sociologia pela UFMA e tem formação em Desenvolvimento Internacional Partners of América: Washington/Guatemala/ParaguaiArgentina/Miami/Texas/México/Pensilvânia; e Santa Lucia (Caribe). Além da variada formação acadêmica, Claudett ainda participou do curso sobre Desenvolvimento Infantil pela Universidade de Haward, em Boston, nos Estados Unidos.

 

Autora do livro “Um educação para o povo”, ela já foi titular da Secretaria do Estado do Desenvolvimento e Comunitário (Sedesc), Secretaria do Trabalho (SET), Secretaria de Estado Extraordinária de Igualdade Racial (Seir), todas no Governo do Estado do Maranhão. Também presidiu a Fundação da Criança e do Adolescente do Maranhão (Funac) e os conselhos estaduais da Assistência e Igualdade Racial do Maranhão. Ao longo de sua carreira profissional, Claudett Ribeiro exerceu o cargo de diretora pedagógica da Fundação TV Educativa do Maranhão; foi professora do Departamento de Sociologia e Antropologia da Universidade Federal do Maranhão; assessora técnica do Fundo das Nações Unidas para a Infância (Unicef), do Fundo das Nações Unidas para a População (FNUAP), do Instituto da Infância (Ifan), do Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID), do Banco Mundial, da Fundação Konrad Adenauer, do The American Friends Service Committee: Haiti; e da Fundação Josué Montello.

Pe. Osmar Alves

Pároco da Paróquia Sagrado Coração de Jesus de Ipaporanga - CE

Pe. Osmar Alves

Pe. Osmar Alves

Natural do Crato (CE), Osmar Alves Flôr concluiu o curso de Licenciatura em Filosofia, Pedagogia e Teologia. É pós-graduado em Gestão Educacional pela Universidade do Estado de Santa Catarina (Udesc) e a Universidade Estadual do Ceará (Uuce) e técnico em Estatística. Atualmente, é pároco da Paróquia Sagrado Coração de Jesus de Ipaporanga (CE), presbítero dioceano da Diocese de Crateús (CE), membro do Conselho Diocesano de Pastoral e assessor de estudos de movimentos sociais e pastorais populares. Osmar Alves já publicou vários livros sobre arte literária e é professor convidado de vários institutos.

Françoise Elizabeth Correvon

Gerente de projetos humanitários

Françoise Elizabeth Correvon

Françoise Elizabeth Correvon

Nascida em Genebra, na Suíça, onde passou a infância e adolescência, Françoise Elizabeth viveu grande parte da sua vida no Brasil, nação onde estabeleceu laços e a como o “país do coração”. Entrou no Instituto Terre des hommes Brasil como voluntária em 1980, enquanto trabalhava como professora de francês. No ano de 1982, deixou a atuação na área do ensino e foi contratada para acompanhar os projetos da instituição na América Latina. Devido à seca que ocorreu entre os anos 1978 a 1983 no Nordeste brasileiro e a alta morbidade e mortalidade infantil, ela foi enviada ao Ceará para implementar um projeto na região Sertão dos Inhamuns. Em Fortaleza, onde ia regularmente, lhe chamou atenção as crianças em situação de rua. Na capital cearense, iniciei um trabalho com elas, que gerou experiências que formaram a base de vários outros projetos pelo Brasil. Em 2008, voltou a trabalhar na sede de Tdh, em Lausanne, na Suíça, como responsável dos projetos da América Latina até o ano de 2013.

Honorata Ferreira

Honorata Ferreira

Honorata Ferreira

Igor Pessoa

Igor Pessoa

Diretor de Fortalecimento Institucional

In October 2016 I took part in a Terre des hommes volunteer trip to Albania. I wanted to get an impression of how and where donations generated in Switzerland are used and what impact they have.

What shocked me is the fact that in a country so close to us geographically – which is an EU candidate – things like child labour and human trafficking are part of everyday life. At the same time I was amazed that once there these things were barely given a second glance. Everything appeared to us to be quite normal.

We could have a look at concrete projects of Terre des hommes: It touched me to hear about the life stories of the beneficiary families and to witness the engagement with which the local Tdh-workers do their job. The conversations with different people gave me the opportunity to experience the country and its culture at first hand.

Lastênia Soares

Lastênia Soares

Diretora do Programa de Justiça Juvenil Restaurativa